Cidade colaborativa

Ao desenhar e organizar cubos de papel (origami), somos desafiados a repensar o lugar onde vivemos.
(mais…)

Instalação “Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo”

Obra interativa colaborativa conta com desenhos e depoimentos de refugiados e participação do público.
(mais…)

Vídeos explicativos para refugiados criados pelo LINCE e Caritas-SP

Uma série de vídeos explicativos irão apresentar informações básicas importantes para pessoas em condição de refúgio.
(mais…)

Projeto LINCE em Nova York

O L.I.N.C.E. esteve em NY deixou sua marca no The Collectivity Project obra colaborativa de Olafur Eliasson no parque suspenso High Line

(mais…)

Mostra de Filmes Recicláveis

Um panorama internacional de animações em 2D e 3D, obras de ficção e documentários disponibilizados com licenças de direitos autorais livres.

(mais…)

O que é o LINCE?

Laboratórios Interativos Nômades para Criatividade e Experimentação

(mais…)

Ações

São Paulo, Brazil
Excerpt from the testimony of Danya Hubbi (Syria), who integrated the "Sound Drawings: refugees and identities in flow", an interactive art installation comprising drawings, voices and stories from refugees.

The work was created by the @projetolince artistic collective with the support of Caritas-SP ( @caritasarqsp ). When you touch the drawings with your hands or pencil, excerpts from interviews of displaced people from various countries can be heard. Visitors are invited to participate with the installation, in addition to interacting with the audios, can collaborate with the work, adding their own drawings or writing.

The objective of the work is to use interactive artistic resources as a way to share personal thoughts, feelings and experiences, with the aim of raising awareness and humanizing the look on refugee issues.

_____________

A instalação "Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo"  vivencia a troca intercultural provocada pela presença de imigrantes refugiados na cidade de São Paulo.
Memórias, identidade e traços culturais apresentados pelos refugiados são gerados e descobertos pelo público por meio de recursos interativos. O participante inclusive pode modificar a obra acrescentando seus próprios desenhos, criar ritmos e misturar sons, ampliando as relações previamente criadas de maneira colaborativa por um grupo de pessoas oriundas de vários países.
Em seu funcionamento o dispositivo Makey Makey permite que os participantes utilizem princípios da condutividade elétrica para descobrir os sons ao tocar em desenhos feitos com lápis grafite em um painel. ⠀

O trabalho foi criado pelo @projetolince com o apoio da Caritas-SP, e apresentado no evento portas abertas em junho de 2019

Equipe LINCE: @arlifrancis @vanessapn  @wilha_n e @filosofiaequalidade ⠀
 @jananohibi fez a cobertura audiovisual.⠀
_________________

#syria #refugees #drawing #refugiados #drawing #makeymakey #scratchmit #installation #instalacaoartistica #interactivity #refugeestories #refugee #microterritorios #microterritories #caritas
Central Zone of São Paulo
"Sound Drawings: refugees and identities in flow" are interactive art installation comprising drawings, voices and stories from refugees.

When you touch the drawings with your hands or pencil, excerpts from interviews of displaced people from various countries can be heard. Visitors are invited to participate with the installation, in addition to interacting with the audios, can collaborate with the work, adding their own drawings or writing.

The objective of the work is to use interactive artistic resources as a way to share personal thoughts, feelings and experiences, with the aim of raising awareness and humanizing the look on refugee issues.

The work was created by the @projetolince artistic collective with the support of Caritas-SP ( @caritasarqsp ). ___________________________

A instalação "Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo" vivencia a troca intercultural provocada pela presença de imigrantes refugiados na cidade de São Paulo.
Memórias, identidade e traços culturais apresentados pelos refugiados são gerados e descobertos pelo público por meio de recursos interativos. O participante inclusive pode modificar a obra acrescentando seus próprios desenhos, criar ritmos e misturar sons, ampliando as relações previamente criadas de maneira colaborativa por um grupo de pessoas oriundas de vários países.
Em seu funcionamento o dispositivo Makey Makey permite que os participantes utilizem princípios da condutividade elétrica para descobrir os sons ao tocar em desenhos feitos com lápis grafite em um painel. ⠀

O trabalho foi criado pelo @projetolince com o apoio da Caritas-SP, e apresentado no evento portas abertas em junho de 2019. ⠀
Com @arlifrancis @vanessapn @wilha_n e @filosofiaequalidade ⠀
Agradecimentos a @jananohibi pela cobertura fotográfica⠀

________________________________

#syria #refugees #creativity #criatividade #diy #drawing #microterritories #refugiados #makeymakey #scratchmit #installation #instalacaoartistica #interactivity #refugeestories  #artinstallation ⠀
#refugee
Central Zone of São Paulo
Foi inesquecível!
Apresentacao e apropriação do público durante a instalação artística "Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo" do @projetolince no evento "Portas Abertas" que aconteceu hoje, no dia 15 de junho no centro de São Paulo.

A programação do evento contou com palestras, debates, comidinhas típicas e artesanato feito por refugiados e teve o objetivo de mostrar o trabalho do Centro de Referência para Refugiados da CASP, compartilhar informações e reforçar o combate à xenofobia.
Com @filosofiaequalidade @arlifrancis @wilha_n @vanessapn e @jananohibi

Mais informações em:
https://m.facebook.com/events/419935068860450/?ti=wa

#makeymakey #scratch #refugiados #refugee
Centro Antigo De São Paulo
Montando a instalação artística "Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo" do @projetolince para o evento "Portas Abertas" que acontece no dia 15 de junho, sábado. Rua José Bonifácio, 107 , centro de São Paulo.

A programação do evento conta com palestras, debates, comidinhas típicas e artesanato feito por refugiados e tem o objetivo de mostrar o trabalho do Centro de Referência para Refugiados da CASP, compartilhar informações e reforçar o combate à xenofobia.
A música deste video é "Good Day" do artista nigeriano Jay que vive no Brasil com na condição de refugiado.
Com @filosofiaequalidade @arlifrancis @wilha_n @vanessapn e @jananohibi

Mais informações em:
https://m.facebook.com/events/419935068860450/?ti=wa

#makeymakey #scratch #refugiados #refugee
Centro Velho De Sao Paulo
Dia 15 de junho, sábado, vamos apresentar a Instalação artística "Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo" no evento "Portas Abertas". A programação do evento conta com palestras, debates e artesanato feito por refugiados e tem o objetivo de mostrar o trabalho do Centro de Referência para Refugiados da CASP, compartilhar informações e reforçar o combate à xenofobia.

Mais informações em:
https://m.facebook.com/events/419935068860450/?ti=wa

A foto acima é da preparação inicial para produção de conteúdos com refugiados de vários paises. Obra feita em parceria com o Centro de Referência dos Refugiados administrado pela Caritas Arquidiocesana de São Paulo.⠀

A instalação interativa irá vivenciar a troca intercultural provocada pela presença de imigrantes refugiados na cidade de São Paulo. Memórias, identidade e traços culturais apresentados pelos refugiados são gerados e descobertos pelo público por meio de recursos interativos. O participante inclusive pode modificar a obra acrescentando seus próprios desenhos, criar ritmos e misturar sons, ampliando as relações previamente criadas de maneira colaborativa por um grupo de pessoas oriundas de vários países. Em seu funcionamento o dispositivo Makey Makey permite que os participantes utilizem princípios da condutividade elétrica para descobrir os sons ao tocar em desenhos feitos com lápis grafite em um painel. ⠀

Com @arlifrancis e @vanessapn . ⠀
Agradecimentos a @jananohibi pela cobertura fotográfica⠀


#Refugees #creativity #criatividade #diy #digitalculture #creativity #decentralization #microterritorios #microterritories #refugiados #makeymakey #scratcmit #installation #instalação #interactivity #interculturalidade #Interculturality #art⠀
⠀#refugee
Vila Carmosina
Teste tela de projeção interativa DIY. Novo desafio do @projetolince. Com @arlifrancis #projectionmapping #mapping #interactivescreen
#makeymakey  #scratch #projection  #projeção
Movies to watch lying down!

RECYCLABLE MOVIES EXHIBITION 3D, 2015 (COHAB Taipas, São Paulo) with @vanessapn The exhibition wants to show films films shareables (public domain, free of copyright, copyleft or creative commons, etc.). Copies of all the films are distributed for free to public for shown, remix and reuse without any constraints.
_____________________________
Filmes para assistir deitado!

MOSTRA DE FILMES RECICLÁVEIS 3D, 2015. (Oficina Cultural Maestro Juan Serrano, Cohab Taipas, Zona Norte, São Paulo)
A mostra apresenta filmes com direitos autorais abertos para exibição, compartilhamento e reutilização. São distribuídos óculos 3D descartáveis e cópias dos filmes exibidos para o público. Com @vanessapn

#blender #creativecommons #cinema #3D #zn #periferia #3dglasses #publicspace #arteeducação #zonanorte #educação #descentralização #arteducation #publicspaces #stereoscopic #ocmanuelserrano #cohabtaipas
Instalação artística "Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo"⠀

Preparação inicial para produção de conteúdos com refugiados de vários paises. Obra feita em parceria com o Centro de Referência dos Refugiados administrado pela Caritas Arquidiocesana de São Paulo.⠀

A instalação interativa irá vivenciar a troca intercultural provocada pela presença de imigrantes refugiados na cidade de São Paulo. Memórias, identidade e traços culturais apresentados pelos refugiados são gerados e descobertos pelo público por meio de recursos interativos. O participante inclusive pode modificar a obra acrescentando seus próprios desenhos, criar ritmos e misturar sons, ampliando as relações previamente criadas de maneira colaborativa por um grupo de pessoas oriundas de vários países. Em seu funcionamento o dispositivo Makey Makey permite que os participantes utilizem princípios da condutividade elétrica para descobrir os sons ao tocar em desenhos feitos com lápis grafite em um painel. ⠀

Com @arlifrancis e @vanessapn . ⠀
Agradecimentos a @jananohibi pela cobertura fotográfica⠀


#Refugees #creativity #criatividade #diy #digitalculture #creativity #decentralization #microterritorios #microterritories #refugiados #makeymakey #scratcmit #installation #instalação #interactivity #interculturalidade #Interculturality #art⠀

Instalação artística "Desenhos sonoros: refugiados e identidades em fluxo"⠀

Preparação inicial para produção de conteúdos com refugiados de vários paises. Obra feita em parceria com o Centro de Referência dos Refugiados administrado pela Caritas Arquidiocesana de São Paulo.⠀

A instalação interativa irá vivenciar a troca intercultural provocada pela presença de imigrantes refugiados na cidade de São Paulo. Memórias, identidade e traços culturais apresentados pelos refugiados são gerados e descobertos pelo público por meio de recursos interativos. O participante inclusive pode modificar a obra acrescentando seus próprios desenhos, criar ritmos e misturar sons, ampliando as relações previamente criadas de maneira colaborativa por um grupo de pessoas oriundas de vários países. Em seu funcionamento o dispositivo Makey Makey permite que os participantes utilizem princípios da condutividade elétrica para descobrir os sons ao tocar em desenhos feitos com lápis grafite em um painel. ⠀

Com @arlifrancis e @vanessapn . ⠀
Agradecimentos a @jananohibi pela cobertura fotográfica.⠀


#Refugees #creativity #criatividade #diy #digitalculture #creativity #decentralization #microterritorios #microterritories #refugiados #makeymakey #scratcmit #installation #instalação #interactivity #interculturalidade #Interculturality #art⠀

O que fazemos

Desde 2014, o coletivo cultural Projeto LINCE (Laboratórios Interativos Nômades para Criatividade e Experimentação) realiza ações de arte, educação e tecnologia em espaços públicos criando microterritórios criativos principalmente em regiões urbanas periféricas das metrópoles.

Cultura e Tecnologias Livres

Cultura e Tecnologias Livres

Atividades baseadas em conteúdos, softwares com licenças de direito autoral aberto explorando suas possibilidades criativas, de compartilhamento, e remix na música, vídeo, literatura, design e demais obras criativas.

Desconcentração Territorial da Cultura

Desconcentração Territorial da Cultura

Lutamos contra a exclusão de territórios periféricos gerada pela distribuição desigual de equipamentos culturais e políticas artístico/criativas nas metrópoles. Elaboramos estratégias de articulação com agentes, espaços, artistas e comunidades.

Desmisticação da Tecnologia

Desmisticação da Tecnologia

Um contato sensível com dispositivos por meio da arte e da experiência estética e extraestética para que as tecnologias tendam a deixar de tentar construir os indivíduos, mas ajudá-los cada vez mais a construir o mundo.

Arte e Educação

Arte e Educação

Experimentação das potencialidades de ferramentas colaborativas e digitais na educação formal, não-formal, e informal para processos de aprendizagem ao longo da vida.

Quem somos

Vanessa Pereira
Francisco Arlindo Alves
Claudio Sensato
Nádia Lima
Willian de Sá Marques
Vanessa Pereira

Vanessa Pereira

Vanessa Pereira é mestre em artes, pós-graduada em Estéticas Tecnológicas e graduada em Design de Multimídia, possui experiência na área de comunicação visual, no desenvolvimento de peças gráficas e multimídia. Desde 2010 atua no campo da cultura digital planejando e ministrando oficinas, cursos e palestras com viés educativo no SESC Belenzinho e outras instituições. Seu enfoque abrange diferentes linguagens que vão desde a criação de games, até o audiovisual e a cibercultura com direcionamento para diferentes públicos abrangendo estudantes universitários, interessados em artemídia, pessoas da terceira idade e crianças. Em 2003 como resultado da participação no projeto Aprendiz Comgás da ONG Cidade Escola Aprendiz, integrou o grupo que criou e implementou o “ViraAção”, um projeto de oficinas culturais na E.E. Martím Egídio Damy. Em 2010 integrou o elenco de atores do Projeto Rituais da Alegria.

Francisco Arlindo Alves

Francisco Arlindo Alves

Francisco Arlindo Alves é mestre em Design, especialista em Planejamento, Implementação e Gestão da EaD, e designer multimídia. Atualmente organiza atividades, e ministra cursos, oficinas e bate papos relacionados à cultura digital no SESC-São Paulo e outras instituições. No campo da arte e tecnologia produziu trabalhos exibidos em exposições no Brasil e no Exterior como o Media Art Friesland 2005 (Holanda), a mostra WEB3DART no Web3D Symposium patrocinada pela ACM SIGGRAPH 2005 (Inglaterra) e o FILE – Electronic Language International , 2004 (São Paulo).

Além de possuir experiência na área de telecomucanicões, tecnologia e redes, no campo acadêmico tem atuado principalmente na pesquisa e publicação de diversos trabalhos em congressos, revistas e simpósios relacionados aos seguintes temas: educação e tecnologia, teoria crítica das mídias com ênfase em processos colaborativas e suas implicações sócio-culturais.

Claudio Sensato

Claudio Sensato

Claúdio Sensato é consultor em informática e manutenção de redes de computadores. Atua como educador e na produção cultural do LINCE.

Nádia Lima

Nádia Lima

Nádia Lima é pesquisadora de relações sociais e gênero em produções musicais contemporâneas, historiadora, produtora cultural, e colaboradora do Projeto LINCE.

Willian de Sá Marques

Willian de Sá Marques

Willian de Sá Marques é fotógrafo, educador e produtor audiovisual formado pela faculdade FIAM-FAAM. É integrante do coletivo Três por Dez atuando como técnico de som direto e microfonista.Como artista fotográfico elaborou a série Micro e Macrocosmos que integrou exposições nos Planetários do Carmo e Ibirapuera em 2016, e no INCA (Escola de Inovação Coletiva) em 2017. Tem colaborado no projeto LINCE e em outras ações culturais como educador, filmmaker e editor de vídeo.

Vídeos e Fotos

Sobre o Projeto LINCE from Francisco Arlindo Alves on Vimeo.

1 ANO EM 1 MINUTO – L.I.N.C.E. (Laboratórios Interativos Nômades para Criatividade e Experimentação) from Francisco Arlindo Alves on Vimeo.

Mostra de Filmes Recicláveis – Projeto LINCE – 2015 from Francisco Arlindo Alves on Vimeo.

Você é o VJ (vivência criativa em espaço público) – Projeto LINCE from Francisco Arlindo Alves on Vimeo.


Experiências em Gamearte Parque Raul Seixas – Maio 2017

« 1 de 4 »

Mostra de Filmes Recicláveis – Centro de Educação Popular Nossa Senhora Aparecida em Ermelino Matarazzo em 09/09/2015

« 1 de 3 »

Mostra de Filmes Recicláveis – Ponto de Leitura Vila Mara / Jardim Helena em 12/09/2015

« 2 de 3 »

Laboratório Criativo de Informática com Claúdio Sensato – Casa de Cultura São Miguel em 21/08/2015

Vivência Você é o VJ – Parque Chico Mendes em 24/05/2015

« 1 de 6 »

Vivência Realidade Aumentada – Parque Raul Seixas em 26/05/2015

« 1 de 10 »

Mostra de Filmes Recicláveis – Parque Raul Seixas em 26/04/2015

« 2 de 5 »

Terceira Idade Acessando as Praças WIFI – Parque Raul Seixas em 25/04/2015

Mostra de Filmes Recicláveis – Concha Acústica do Parque Tiquatira 28/03/2015

« 1 de 2 »

Parque Ecólogico Chico Mendes 28/02 e 01/03/2015

« 1 de 7 »

Linguagens diversas + Fotografia Digital Online

« 1 de 4 »